Como evitar a diarréia após tomar antibióticos: dicas e recomendações

O que fazer se você tiver diarréia depois de tomar antibióticos? Aprenda as causas e maneiras de evitar consequências desagradáveis do tratamento com antibióticos.

Tomar antibióticos é uma inevitabilidade quando doenças infecciosas, como dor de garganta, bronquite, pneumonia e outros. No entanto, muitas pessoas enfrentam um efeito colateral desagradável, a saber, diarréia depois de tomar antibióticos.

A diarréia é causada por uma interrupção da flora intestinal normal que controla o trato gastrointestinal. Os antibióticos matam não apenas bactérias patogênicas, mas também benéficas, o que leva à disbiose e diarréia.

Neste artigo, consideraremos as causas da diarréia depois de tomar antibióticos e também daremos algumas dicas sobre como evitar esse problema desagradável e restaurar a microflora intestinal normal.

Contents
  1. Efeito dos antibióticos na microflora intestinal
  2. Vídeo sobre o assunto:
  3. Fatores que aumentam o risco de desenvolver diarréia
  4. Q & amp; A:
  5. O que é diarréia depois de tomar antibióticos?
  6. Por que os antibióticos causam diarréia?
  7. Como você pode evitar a diarréia enquanto toma antibióticos?
  8. Quanto tempo pode durar a diarréia depois de tomar antibióticos?
  9. Posso tomar antibióticos se tiver problemas de estômago?
  10. Quais antibióticos podem causar diarréia?
  11. O que fazer se a diarréia depois de tomar antibióticos não parar?
  12. Quais sintomas indicam que a diarréia após tomar antibióticos pode ser grave?
  13. Que tipos de antibióticos podem causar diarréia?
  14. Sintomas de diarréia após tomar antibióticos
  15. Diferença entre diarréia e infecção intestinal
  16. Como evitar a diarréia ao tomar antibióticos:
  17. Dicas para reduzir o risco de diarréia
  18. Uso de probióticos para prevenir e tratar a diarréia
  19. Simbióticos e seu papel no tratamento da diarréia
  20. O que são simbióticos?
  21. Como os simbióticos podem ajudar com a diarréia induzida por antibióticos?
  22. Quais são os melhores simbióticos para usar?
  23. Uma amostra de lista de simbióticos para o tratamento da diarréia após tomar antibióticos:
  24. Métodos tradicionais de tratamento da diarréia depois de tomar antibióticos
  25. Regime alimentar e conselhos gerais
  26. Probióticos e prebióticos
  27. Ervas e remédios naturais
  28. Como tratar a diarréia após antibióticos?
  29. Quando devo procurar atendimento médico para diarréia depois de tomar antibióticos?
  30. O que os estudos dizem sobre a ligação entre antibióticos e diarréia?
  31. O que fazer se a diarreia não parar mesmo após a retirada dos antibióticos?
  32. Como posso prevenir a recorrência da diarreia com ciclos subsequentes de antibióticos?
  33. Tratamentos alternativos para diarréia depois de tomar antibióticos
  34. Conclusões

Efeito dos antibióticos na microflora intestinal

Efeito dos antibióticos na microflora intestinal

Antibióticos são medicamentos eficazes na luta contra doenças infecciosas. No entanto, eles também podem afetar negativamente a microflora intestinal. A microflora intestinal consiste em várias bactérias benéficas que ajudam na digestão e protegem o corpo de patógenos.

Quando os antibióticos são tomados, eles também destruem bactérias benéficas no intestino, o que pode causar um desequilíbrio na microflora. Isso pode levar à diarréia, além disso, esse desequilíbrio pode enfraquecer o sistema imunológico e aumentar o risco de outras infecções.

Para evitar esse efeito, é recomendável tomar antibióticos apenas quando prescrito por um médico e seguir as instruções para uso. Os antibióticos não devem ser tomados em doses altas e não por mais tempo do que prescrito.

Além disso, para manter a microflora intestinal, é importante comer uma dieta saudável, comer alimentos ricos em prebióticos e probióticos, como iogurte, kefir, kvass, produtos lácteos azedos, frutas e legumes frescos, nozes.

Também é possível tomar probióticos como uma medida de precaução adicional, mas sua receita deve ser justificada e deve ser realizada somente após a consulta com um médico.

Vídeo sobre o assunto:

Fatores que aumentam o risco de desenvolver diarréia

Escolha errada do antibiótico: a escolha do antibiótico é importante. Se o antibiótico não for escolhido corretamente, a microflora normal no intestino poderá ser interrompida, o que pode levar à diarréia.

Uso a longo prazo de antibióticos: o uso prolongado de antibióticos pode causar alterações na microflora intestinal, o que pode levar à disbiose e depois à diarréia.

Co-administração de antibióticos e outros medicamentos: quando antibióticos e outros medicamentos, como pró-bióticos, antifúngicos ou preparações de ferro, são tomados ao mesmo tempo, pode ocorrer uma interação, aumentando o risco de diarréia.

Hipersensibilidade aos antibióticos: algumas pessoas podem ter uma hipersensibilidade aos antibióticos, o que pode levar à diarréia, mesmo com um curto curso de antibióticos.

Má Higiene: A falta de higiene pode levar a infecções intestinais e diarréia, especialmente se uma pessoa estiver tomando antibióticos.

  • Em geral, dev e-se escolher os antibióticos certos para reduzir o risco de diarréia;
  • Tome antibióticos apenas quando prescrito por um médico e pelo tempo recomendado pelo médico;
  • Mantenha a higiene para evitar infecções intestinais.

Com que frequência você lê artigos sobre tópicos de saúde?
Eu leio apenas conforme necessário
Leia com frequência
Raramente leia

Q & amp; A:

O que é diarréia depois de tomar antibióticos?

A diarréia é frequentemente recorrente, líquido e marinhas frequentes. Ao tomar antibióticos, a diarréia pode ser causada por disbacteriose (interrupção da microflora), que geralmente desaparece por conta própria após alguns dias.

Por que os antibióticos causam diarréia?

Os antibióticos matam não apenas bactérias prejudiciais, mas também microorganismos benéficos no intestino. Isso reduz o número de bactérias benéficas e leva à disbiose, o que pode causar diarréia.

Como você pode evitar a diarréia enquanto toma antibióticos?

Você pode tomar probióticos (vitaminas que contêm bactérias benéficas) ou suplementos contendo probióticos para compensar a perda de bactérias benéficas devido a antibióticos. No entanto, você não deve parar de tomar antibióticos por conta própria e os cursos de probióticos só devem ser tomados por recomendação do seu médico.

Quanto tempo pode durar a diarréia depois de tomar antibióticos?

A diarréia após tomar antibióticos pode começar nos primeiros dias de tomar o antibiótico e continuar por até 2 semanas após a parada do antibiótico. Se a diarréia continuar por mais de 2 semanas, pode ser devido a outra causa e um médico deve ser consultado.

Posso tomar antibióticos se tiver problemas de estômago?

Se você tiver problemas de estômago, deve discutir tomar antibióticos com seu médico. Muitos antibióticos podem causar efeitos colaterais, incluindo diarréia, o que pode ser ainda mais sério se você tiver problemas de estômago.

Quais antibióticos podem causar diarréia?

Muitos antibióticos podem causar diarréia porque matam bactérias benéficas no intestino junto com as nocivas. Entre eles, pode haver antibióticos do grupo de penicilinas, cefalosporinas, macrólidos e fluoroquinolonas.

O que fazer se a diarréia depois de tomar antibióticos não parar?

Se a diarréia continuar por mais de 2 semanas, pode ser um sinal de outra doença. Nesse caso, você deve consultar o seu médico para descobrir a causa da diarréia e obter tratamento apropriado.

Quais sintomas indicam que a diarréia após tomar antibióticos pode ser grave?

A diarréia causada por antibióticos geralmente não é um problema sério e desaparece por conta própria após alguns dias. No entanto, se você tiver sintomas como a coloração icterícia da pele ou dos olhos, aumento da temperatura corporal ou dor abdominal, entre em contato com seu médico imediatamente.

Que tipos de antibióticos podem causar diarréia?

A diarréia é um efeito colateral comum de tomar antibióticos. No entanto, nem todos os tipos de antibióticos causam diarréia com a mesma frequência. Alguns tipos de antibióticos podem ter um efeito mais significativo na microflora intestinal e reduzir suas funções de defesa, resultando em diarréia.

Segundo estudos, antibióticos de amplo espectro, como ampicilina, amoxicilina, amoxiclav, cefalosporinas e claritromicina podem levar à diarréia com mais frequência. Além disso, lincosamidas como a clindamicina podem causar diarréia em até 30% dos pacientes que tomam esses medicamentos.

Além disso, o uso a longo prazo de antibióticos e seu uso repetido também aumentam o risco de diarréia. Portanto, se você experimentou diarréia ao tomar antibióticos, informe ao seu médico na próxima vez para que ele possa encontrar um medicamento ou regime mais apropriado.

  1. No entanto, você não deve abandonar a antibioticoterapia sem consultar seu médico, pois isso pode levar a uma exacerbação da doença.
  2. Também é importante lembrar que tomar prebióticos e probióticos pode ser útil para restaurar a microflora intestinal e prevenir a diarréia enquanto toma antibióticos.

Assim, ao escolher antibióticos, é importante consultar um médico e se preocupar não apenas com a eficácia da droga, mas também com a possibilidade de efeitos colaterais, incluindo diarréia.

Sintomas de diarréia após tomar antibióticos

Se você tomou antibióticos, pode saber que lev á-los pode levar à diarréia. Isso ocorre porque os antibióticos podem interromper o equilíbrio natural da microflora no intestino. Outro motivo pode ser a multiplicação adicional de bactérias que causam diarréia.

Os sintomas de diarréia após tomar antibióticos podem variar de leve a grave. Geralmente, a diarréia começa alguns dias depois que você começa a tomar antibióticos e pode durar até 10 dias depois de terminar seu curso de tratamento. Você também pode experimentar outros sintomas, incluindo náusea, vômito, dor abdominal e temperatura corporal elevada.

Se você perceber a diarréia depois de tomar antibióticos, discuta isso com seu médico. Em alguns casos, podem ser necessários testes adicionais para determinar a causa da diarréia. Seu médico pode recomendar o uso de outros medicamentos ou suplementos para reequilibrar sua microflora intestinal e eliminar a diarréia.

  • Diarréia leve a grave
  • Náusea
  • Vomitando
  • Dor abdominal
  • Aumento da temperatura corporal

Diferença entre diarréia e infecção intestinal

A diarréia e uma infecção intestinal são duas coisas diferentes, embora possam se acompanhar em alguns casos. A diarréia é um dos sintomas que podem ocorrer com uma infecção intestinal, mas também pode indicar outros distúrbios do corpo.

A diarréia se manifesta como fezes frequentes que podem ser líquidas ou semi-líquidas. É frequentemente acompanhado por dor abdominal, náusea, vômito, fadiga e fraqueza. A diarréia pode ser causada por uma variedade de fatores, incluindo intoxicação, doenças agudas ou crônicas, reações alérgicas, tomando antibióticos e outros medicamentos. Pode durar de alguns dias a várias semanas.

A infecção intestinal, por outro lado, é uma doença mais grave causada por bactérias, vírus ou parasitas. Ele se manifesta como diarréia, mas também pode ser acompanhado por vômitos, febre, dor abdominal e ma l-estar geral. A infecção intestinal é frequentemente transmitida através do contato com pessoas infectadas ou através do consumo de alimentos ou água contaminados. Requer tratamento eficaz e pode levar a complicações graves se não for tratada.

  • Conclusões:
  • Diarréia e infecção intestinal são dois conceitos diferentes.
  • A diarréia pode ser causada por diferentes fatores e pode durar por diferentes quantidades de tempo.
  • A infecção intestinal é uma condição grave causada pela infecção e requer tratamento ativo.
  • Quaisquer sintomas relacionados ao trato GI devem ser encaminhados a um médico para diagnóstico e tratamento.

Como evitar a diarréia ao tomar antibióticos:

Existem algumas regras a seguir para evitar a diarréia enquanto tomam antibióticos:

  • Consulte seu médico antes de iniciar antibióticos. Seu médico pode recomendar uma terapia probiótica especial para manter uma microflora saudável no intestino.
  • Tome antibióticos estritamente prescritos pelo seu médico. Não pule dias e não aumente a dose, mesmo que os sintomas da doença diminuam gradualmente.
  • Cuide da higiene. Lave as mãos antes de comer e depois de usar o vaso sanitário, lave bem as frutas e os legumes, especialmente para serem comidos crus.
  • Evite alimentos gordurosos, fritos, picantes e doces. Alimentos facilmente digeríveis, como mingau, queijo cottage, arroz branco e filetes de frango, podem ajudar a reduzir o risco de diarréia.
  • Beba água suficiente. A água potável ajuda regularmente a reduzir o risco de desidratação e mantém as entranhas funcionando corretamente.

Seguir essas regras simples pode ajudar a evitar a diarréia enquanto toma antibióticos e ajuda a manter uma flora intestinal saudável.

Dicas para reduzir o risco de diarréia

Dicas para reduzir o risco de diarréia

Alguns antibióticos podem destruir bactérias patogênicas e benéficas no intestino. Isso pode levar à disbiose, causando diarréia e outros efeitos desagradáveis. No entanto, existem maneiras de reduzir o risco de diarréia ao tomar antibióticos:

  • Tome antibióticos apenas conforme prescrito pelo seu médico. Siga a dosagem recomendada e não interrompa o curso do tratamento sem a aprovação do seu médico.
  • Relate a diarréia e outros sintomas desagradáveis ao seu médico. Seu médico pode recomendar alterar a dose ou mudar para outro medicamento, se necessário.
  • Consuma alimentos ricos em probióticos. Iogurte, kefir, arroz, vegetais fermentados e kimchi restaurarão a microflora natural no intestino e ajudarão a restaurar as fezes normais.
  • Siga uma dieta rica em prebióticos. Isso significa comer alimentos que são uma fonte de nutrientes para bactérias benéficas: produtos de grãos integrais, frutas e vegetais.

Em geral, a redução do risco de diarréia enquanto em antibióticos se resume a manter uma microflora intestinal saudável e garantir que você pertencam periodicamente alimentos probióticos e prebióticos.

Uso de probióticos para prevenir e tratar a diarréia

Uso de probióticos para prevenir e tratar a diarréia

Os probióticos são microorganismos vivos que ajudam a manter o equilíbrio da microflora intestinal e reduzem o risco de diarréia enquanto tomam antibióticos.

Tomar probióticos enquanto toma antibióticos pode impedir o desenvolvimento de disbiose e diarréia. Isso ocorre restaurando o microbioma intestinal natural e a redução de bactérias patogênicas.

Os probióticos podem ser tomados de várias formas, inclusive como cápsula, pó, bebida ou iogurte. É importante escolher a forma e a dose de probióticos apropriados que serão mais eficazes em um caso específico.

Alguns dos probióticos mais recomendados para a prevenção e tratamento da diarréia, enquanto tomam antibióticos incluem Lactobacillus acidophilus, obacterium bifidum bífido e Streptococcus thermophilus. Esses microorganismos ajudam a manter a flora intestinal saudável e podem ajudar a prevenir diarréia.

No entanto, antes de começar a tomar probióticos, você deve consultar seu médico para escolher o melhor tratamento e dosagem para o seu corpo e histórico médico.

Simbióticos e seu papel no tratamento da diarréia

O que são simbióticos?

Os simbióticos, também conhecidos como probióticos, são microorganismos vivos que povoam nosso sistema intestinal e o ajudam a funcionar corretamente. São boas bactérias que podem proteger nosso sistema gastrointestinal contra micróbios nocivos.

Como os simbióticos podem ajudar com a diarréia induzida por antibióticos?

Quando você toma antibióticos, eles destroem não apenas as bactérias nocivas, mas também as bactérias benéficas. Isso pode perturbar o equilíbrio na microflora intestinal, o que pode levar à diarréia. Os simbióticos podem ajudar a restaurar esse equilíbrio e reduzir a probabilidade de diarréia.

Quais são os melhores simbióticos para usar?

Os melhores simbióticos a serem usados são aqueles que consistem em bactérias como Lactobacillus e Bifidobacterium. Estes são os mais benéficos para a microflora intestinal. Além disso, é importante escolher simbióticos em dosagens e marcas apropriadas.

Uma amostra de lista de simbióticos para o tratamento da diarréia após tomar antibióticos:

  • Linex Forte
  • Equilíbrio bififorme
  • Acipol

Chamamos sua atenção para a importância de restaurar o equilíbrio na microflora intestinal depois de tomar antibióticos. O uso de simbióticos pode ajudar a gerenciar diarréia e retornar à saúde normal. Ao mesmo tempo, é importante escolher os simbióticos certos e entrar em contato com seu médico ou farmacêutico para obter conselhos, se necessário.

Métodos tradicionais de tratamento da diarréia depois de tomar antibióticos

Métodos tradicionais de tratamento da diarréia depois de tomar antibióticos

Regime alimentar e conselhos gerais

Ao lidar com diarréia depois de tomar antibióticos, é particularmente importante ficar de olho no seu regime de dieta. É aconselhável aumentar a ingestão de líquidos para evitar a desidratação do corpo. Você também deve evitar alimentos que possam agravar a diarréia, incluindo alimentos gordurosos e picantes, laticínios e álcool.

Probióticos e prebióticos

Probióticos e prebióticos podem ajudar a restaurar a flora intestinal normal e reduzir a duração da diarréia. Os probióticos contêm bactérias vivas que ajudam a manter a flora intestinal saudável, e os prebióticos contêm fibras alimentares que nutrem as bactérias “boas” no intestino. Alguns alimentos que contêm probióticos e prebióticos incluem iogurte, kefir, kvass, kimchi, chucrute e outros alimentos fermentados.

Ervas e remédios naturais

Algumas ervas e remédios naturais podem ajudar a reduzir a diarréia. Isso inclui camomila, erva de São João, madeira de minhoca, gengibre, coentro e outros. Além disso, você pode recorrer a medicamentos à base de loperamida e bisacodil que reduzem as contrações intestinais e diminuem o movimento do conteúdo intestinal.

Como tratar a diarréia após antibióticos?

A diarréia após tomar antibióticos é um efeito colateral comum que ocorre devido à interrupção da microflora intestinal natural. Casos relativamente leves de interrupção podem ser curados por conta própria em alguns dias, mas se os sintomas se tornarem mais complicados, é necessária atenção médica.

Esse problema é tratado restaurando microflora intestinal normal. Para conseguir isso, um médico pode prescrever as seguintes medidas:

  • Tomar probióticos para restaurar a microflora intestinal normal;
  • Aumentar a ingestão de líquidos e agregar especialmente bebidas salgadas ou açucaradas;
  • Evitando por algum tempo o consumo de laticínios, frutas, nozes e outros alimentos que podem estimular o intestino;
  • Tomar vitaminas e suplementos diários que podem ajudar a aliviar os sintomas da diarréia.

Independentemente do tratamento escolhido, é sempre melhor consultar um médico para obter um diagnóstico preciso e recomendações de tratamento, especialmente se os sintomas piorarem ou persistirem por um longo tempo.

Quando devo procurar atendimento médico para diarréia depois de tomar antibióticos?

Se a diarréia após tomar antibióticos não parar por vários dias, vale a pena procurar ajuda médica. Traduza o estilo seco em linguagem científica. Em alguns casos, a diarréia pode indicar uma infecção grave que requer tratamento mais grave.

Além disso, se as fezes contiver sangue ou pus, você terá febre ou experiência severa, não deixe de procurar atendimento médico imediatamente. Essa sintomatologia pode acompanhar as condições sépticas e outras doenças perigosas que requerem tratamento imediato.

Quanto à diarréia após tomar antibióticos, os especialistas devem ser contatados nas seguintes situações:

  • Se a diarréia durar mais de três dias. Se você sofrer diarréia frequente e aquosa por três dias ou mais, consulte um médico para obter recomendações de diagnóstico e tratamento.
  • Se você notar intensa perda de peso. Se houver uma perda de peso notável junto com a diarréia, você deve consultar um médico o mais rápido possível.
  • Se você tem diarréia depois de terminar um curso de antibióticos. Se você já recebeu antibióticos prescritos e seu curso de tratamento acabou, mas sua diarréia persiste, você deve consultar seu médico. Pode ser um sinal de complicações do tratamento ou de uma doença infecciosa que requer tratamento adicional.

Não importa quanto tempo dura a diarréia ou quais sinais a acompanham, é sempre melhor consultar um especialista. O médico ajudará a descobrir as causas e sugerir tratamento, dependendo da sua condição de saúde e da gravidade da doença.

O que os estudos dizem sobre a ligação entre antibióticos e diarréia?

Segundo estudos, até 30% das pessoas que tomam antibióticas experimentam diarréia. Isso ocorre porque os antibióticos não apenas destroem as bactérias que causam a infecção, mas também as bactérias benéficas no intestino. Isso pode levar a um desequilíbrio na microbiota e na disbiose intestinal, que é o que causa diarréia.

Os principais motivos para o desenvolvimento de diarreia com o uso de antibióticos estão associados à redistribuição incorreta da microflora intestinal em favor dos microrganismos patogênicos e ao desequilíbrio do trato gastrointestinal como um todo. Além disso, os efeitos dos antibióticos na microflora bacteriana intestinal aumentam com o aumento da dose e da duração do uso do medicamento.

Há também evidências de que certas classes de antibióticos podem estar mais associadas a um desequilíbrio da microflora intestinal e, portanto, à diarreia. Por exemplo, o uso de ampicilina, ceftriaxona e claritromicina, bem como sulfonamidas e tetraciclinas, pode aumentar o risco de diarreia nos pacientes.

Como pode ser visto, o efeito dos antibióticos na microflora intestinal é um processo complexo e existem razões multifatoriais para o desenvolvimento de diarreia durante o seu uso. No entanto, seguir uma série de recomendações simples pode ajudar a minimizar o risco deste efeito colateral desagradável.

O que fazer se a diarreia não parar mesmo após a retirada dos antibióticos?

Às vezes, mesmo após a suspensão dos antibióticos, a diarreia pode continuar. Neste caso é necessário consultar um médico. Se a diarreia for intensa e acompanhada de dor abdominal, deve-se chamar uma ambulância.

O que pode ajudar em caso de diarreia persistente?

  • Siga uma dieta que exclua alimentos picantes, gordurosos, fritos e doces. Beba bastante líquido para evitar a desidratação.
  • Tome probióticos, que restauram a microflora benéfica no intestino.
  • No caso de diarreia crônica, podem ser necessários exames complementares para identificar a causa da doença. Para tanto, é necessária a consulta de um gastroenterologista.

Como evitar a diarreia com o uso repetido de antibióticos?

  • Use antibióticos somente conforme prescrito por um médico e estritamente de acordo com a dosagem recomendada. Não reescreva o regime sozinho.
  • Tome probióticos para preservar a composição benéfica da microflora intestinal.
  • É importante seguir a higiene: lavar as mãos antes de comer e após contato com pessoas doentes.

Como posso prevenir a recorrência da diarreia com ciclos subsequentes de antibióticos?

Para evitar a recorrência da diarreia no próximo ciclo de antibióticos, devem ser tomadas precauções. Primeiro, você precisa seguir o regime antibiótico correto prescrito pelo seu médico. Não pule doses nem aumente-as sem consultar o seu médico.

Em segundo lugar, vale a pena tomar probióticos junto com antibióticos, pois eles podem ajudar a restaurar bactérias benéficas no intestino e reduzir o risco de diarréia. Você pode escolher qualquer probiótico, mas as melhores opções são aquelas que contêm Lactobacillus e Bifidobacterium.

A terceira maneira de impedir a diarréia futura é melhorar seu estilo de vida. Não abuse do álcool e não coma alimentos que possam irritar o intestino. Também é recomendável evitar o uso de antibióticos sem necessidade séria.

  • Siga a ingestão adequada de antibióticos prescritos pelo seu médico
  • Tome probióticos junto com seus antibióticos
  • Melhore seu estilo de vida e evite álcool e alimentos que possam irritar o intestino

Tratamentos alternativos para diarréia depois de tomar antibióticos

Para diarréia após tomar antibióticos, vários tratamentos alternativos podem ajudar.

  • Nutrição: Recomend a-se evitar alimentos e alimentos pesados, gordurosos ou picantes contendo lactose. A dieta deve consistir em alimentos facilmente digeríveis, como bananas, arroz, batatas, torradas e repolho recheado. Isso ajudará a normalizar a função intestinal e eliminar a diarréia.
  • Probióticos: Os probióticos contêm bactérias benéficas que ajudam a normalizar a flora intestinal. Ao tomar probióticos, você pode acelerar a recuperação e evitar a recorrência da diarréia. Os probióticos estão disponíveis em farmácias na forma de cápsulas e pós.
  • Chás de ervas: Alguns tipos de chás de ervas podem ajudar a reduzir os sintomas da diarréia. Por exemplo, chá feito de gengibre, hortel ã-pompa ou camomila. No entanto, você deve consultar seu médico antes de usar ervas como método de tratamento.

É importante lembrar que, se a diarréia não parar ou for acompanhada de outros sintomas, você deve consultar um médico. Freqüentemente, a causa da diarréia após tomar antibióticos pode ser uma infecção que precisa ser tratada com medicamentos especiais.

Conclusões

A diarréia é um efeito colateral frequente dos antibióticos, causado por uma violação da microflora intestinal.

Nos primeiros sinais de diarréia, é necessário procurar ajuda de um médico para prescrever o tratamento e evitar mais deterioração da condição.

Para evitar o desenvolvimento da diarréia, você pode tomar probióticos especiais para ajudar a restaurar a microflora.

No entanto, para evitar diarréia, é importante tomar antibióticos corretamente, seguir as recomendações do médico e não exceder a dose recomendada.

Assim, a diarréia após tomar antibióticos pode ser evitada e tratada se os antibióticos forem tomados corretamente e a ajuda médica deve ser procurada no primeiro sinal de diarréia.